Procon de Patos de Minas alerta consumidores para possíveis fraudes durante a Black Friday 2018

0
42

O Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Patos de Minas divulgou uma série de dicas e orientações para que os consumidores patenses não tenham prejuízos com propagandas enganosas, tanto nas lojas físicas quanto pela internet, durante a edição da Black Friday 2018, que acontece nesta sexta-feira (23). O intuito é deixar os consumidores patenses atentos para possíveis fraudes que possam acontecer durante o maior evento de e-commerce do Brasil, que é marcado por promoções e descontos.

De acordo com os representantes do Procon é importante que o consumidor evite acessar links que direcionem para páginas de fornecedores que costumam aparecer com frequência em redes sociais e caixas de e-mail e verifique os prazos de entrega em domicílio que deve constar na nota fiscal ou recibo. O consumidor também deve desconfiar de produtos com valores muito abaixo do praticado no mercado. “É sempre bom verificar se a loja é de confiança. Confira, principalmente, em compras pela internet, se a empresa fornece o CNPJ, o endereço físico e os meios de contato. Pesquise a reputação da empresa antes da compra para não cair em golpes chamados de ‘Black Fraude’”, ressaltou o Atendente Jurídico do Procon de Patos de Minas, Marcus Vinicius Caixeta.

Confira as 10 dicas do Procon Patos de Minas:

DICA 1: Nas compras pela internet, por telefone ou catálogos, o consumidor tem um prazo de sete dias para se arrepender, cancelar a compra e receber o seu dinheiro de volta ou trocar por outro produto: não precisa de motivo para não querer mais o produto. É um direito do consumidor, neste prazo, devolver o produto e ter o seu dinheiro de volta na mesma forma em que fez o pagamento ou trocar por outro artigo. Lembrando de que o chamado direito de arrependimento, não acoberta as compras efetuadas no estabelecimento comercial físico, devendo o consumidor se precaver no momento da compra, analisando se o produto se encontra em perfeitas condições de uso, acaso não esteja, recuse o recebimento.

DICA 2: Em caso de erro por parte do fornecedor, o consumidor pode pedir a troca: Depois da compra, caso haja algum erro na entrega, o consumidor tem o direito de solicitar a troca dentro do prazo estabelecido pelo lojista. Se o problema persistir mesmo depois da troca, ele poderá pedir o cancelamento da compra e a devolução do dinheiro.

DICA 3: Evite acessar links que direcionam para páginas de fornecedores que costumam aparecer com freqüência em redes sociais e caixas de e-mail. É comum, nesse período de promoções, surgirem anúncios de sites fraudulentos, com informações semelhantes às do site original. Desconfie de produtos com valores muito abaixo do praticado no mercado.

DICA 4: É sempre bom verificar se a loja é de confiança: confira, principalmente em compras pela internet, se a empresa fornece o CNPJ, o endereço físico e os meios de contato. Pesquise a reputação da empresa antes da compra.

DICA 5: Em se tratando de problema inerente ao produto decorrente da fabricação do mesmo, não sendo na entrega como na situação anterior, o consumidor deverá acionar primeiro a fabricante, para que seja solicitada o envio à assistência técnica autorizada, que deverá ser gratuita enquanto o produto estiver na garantia.

DICA 6: Acompanhe os preços dos produtos que deseja antes da Black Friday: um auxílio para essa tarefa são os sites de comparação de preços, especialmente aqueles que oferecem um histórico do valor do produto. Guarde a pesquisa.

DICA 7: O preço promocional não anula os direitos do consumidor: Os direitos relativos à troca do produto com defeito, por exemplo, permanecem mesmo que ele esteja em promoção. ATENÇÃO: Aqui se excluem os produtos que o fornecedor comercializa com pequenos defeitos que não comprometem o seu uso, concedendo descontos maiores aos consumidores, sempre que o fornecedor informar sobre todos os defeitos existentes, como vícios de estética, por exemplo. Problemas que surgirem após a compra poderão ser reclamados.

DICA 8: É sempre importante questionar o fornecedor sobre todas as características do produto, para que se tenha certeza de que o mesmo atenderá às finalidades para as quais está sendo adquirido, e lembre-se de consultar as condições de pagamento, muitas vezes o percentual de desconto é bom para compras à vista.

DICA 9: As informações sobre preço, prazo e entrega devem estar em destaque: o consumidor tem de ter acesso a estas informações sem que seja necessário chamar um vendedor ou atendente da loja para obtê-las antes do pagamento.

DICA 10: O consumidor deve reclamar em caso de mudança na oferta ou qualquer dificuldade no ato da compra: Se o site estiver instável ou se o preço variar durante a compra, salve as informações e faça uma reclamação à empresa. A oferta deve ser cumprida de acordo com a divulgação. Salve ou imprima tudo que for relacionado à compra.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here