Vacinação contra o HPV pretende imunizar 95% do público-alvo em Patos de Minas

0
278

Por ser uma vacinação disponibilizada durante todo o ano, não há campanha sazonal, por isso, é essencial que os pais fiquem atentos e levem seus filhos para a vacinação

A cidade de Patos de Minas tem cerca de 10.900 mil adolescentes, sendo, aproximadamente, 4.500 meninos na faixa etária de 11 a 14 anos e cerca de 6.400 meninas de 09 a 15 anos incompletos. Essa população deve ser vacinada contra o HPV, o papiloma vírus humano. A meta é imunizar 95% desse público, o que representa cerca de 10,4 mil jovens.

A vacinação contra o HPV foi criada com o objetivo de prevenir a infecção pela doença, que é considerada uma das doenças sexualmente transmissíveis (DST’s) mais comuns de acordo com o Ministério da Saúde, e dessa forma, reduzir o número de pacientes que venham a desenvolver câncer de colo de útero.

Para o secretário de Saúde, José Henrique Nunes Borges, uma das principais ações para alcançar essa meta são as parcerias com as escolas. “A Secretaria de Saúde de Patos de Minas tem feito um trabalho importante, junto às escolas, fazemos visitas, tiramos dúvidas, conversamos com os alunos, com os pais, buscamos a conscientização. Com essas, iniciativas convocamos toda a comunidade escolar, pais e educadores, a atualizarem as cadernetas de vacinação dessas crianças e adolescentes”, ressaltou o secretário. Como exemplo bem sucedido dessa iniciativa, José Henrique citou o bom desempenho da imunização na cidade, visto que, através de dados em âmbito nacional, o Ministério da Saúde emitiu alerta devido à baixa adesão à vacina.

A injeção contra o HPV para os meninos passou a ser disponibilizada no Sistema Único de Saúde (SUS) em janeiro deste ano, contemplando os meninos de 12 a 13 anos. Até o ano passado, era feita apenas em meninas. As secretarias municipais de saúde de todo o país já foram comunicadas, pelo Ministério da Saúde, sobre a ampliação da faixa etária de vacinação de HPV, que tem como objetivo aumentar a cobertura vacinal nos adolescentes do sexo masculino.

Por ser uma vacinação disponibilizada durante todo o ano, não há campanha sazonal, por isso, é essencial que os pais fiquem atentos e levem seus filhos para a vacinação. A Prefeitura de Patos de Minas, através da Secretária de Saúde, informa que a vacina está disponível em todos os postos de saúde da cidade e que o responsável pela criança ou adolescente deve procurar uma unidade de saúde mais próxima a sua casa e para estar, em dia, com a saúde do filho.

A secretaria de saúde ainda orienta que a vacina contra meningite C está disponibilizada para os meninos e meninas da faixa etária de 11 a 12 anos no esquema de uma dose. As meninas, que já receberam uma dose da vacina HPV, deverão procurar sua Unidade Básica de Saúde de referência para regularizar seu esquema vacinal. Já a população com imunossupressão (HIV, transplantados, neoplasias, entre outras) poderá ser vacinada contra o HPV, tanto homens quanto mulheres, de até 26 anos de idade. A vacina deverá ser solicitada no Posto de Saúde de referência, através do formulário de imunobiológicos especiais.

 

Deixe uma resposta