Alunos de 14 cidades da região disputam o JEMG em Patos de Minas

0
266

As disputas tem a participação de 29 escolas, representando 14 municípios da região, que competem nas modalidades de futsal, voleibol e xadrez

A partir de hoje, alunos de 14 cidades da região do Alto Paranaíba disputam a etapa microrregional dos Jogos Estudantis de Minas Gerais (JEMG/2017) em Patos de Minas. Em todo o estado, até o dia 18 de junho, vai acontecer a primeira etapa dos jogos em 49 cidades mineiras, dividas de acordo com as Superintendências Regionais de Ensino (SRE) da Secretaria de Estado de Educação (SEE). Na última semana Caratinga (Vale do Aço), Extrema (Sul), Frutal (Triângulo Sul), Jeceaba (Vertentes), Mar de Espanha (Mata), Taiobeiras (Norte) e Unaí (Noroeste) conheceram os classificados para a etapa regional. Nesta segunda-feira (5), tem início a 6ª semana de execução da microrregional. Além de Barbacena, outras cinco cidades do estado também recebem a disputa: Coronel Fabriciano (Vale do Aço), Curvelo (Central), Fervedouro (Mata), Manhumirim (Caparaó) e Vespasiano (Metropolitano). Em Patos de Minas, as disputas começam amanhã (6) com a participação de 29 escolas, representando 14 municípios da região, que competem nas modalidades de futsal, voleibol e xadrez. A abertura acontece às 13h de hoje, 06 de junho, no Ginásio do PTC. Os jogos acontecem até o dia 10.

Com apoio da Secretarias Municipais de Saúde, de Obras Urbanas, de Governo, de Educação e de Desenvolvimento Social, COPASA, Patos Tênis Clube, Colégio Marista, Polícia Militar de Minas Gerais, os atletas de fora da cidade terão hospedagem e alimentação. O alojamentos dos alunos-atletas será na Escola Estadual Adelaide Maciel.

Estão previstos mais de 80 jogos que serão realizados, de acordo com a modalidade:
– Futsal Feminino Módulo I / Futsal Masculino Módulo I: Quadra da E.E. Adelaide Maciel.
– Futsal Feminino Módulo II/ Futsal Masculino Módulo II: Ginásio Poliesportivo do P.T.C. (Patos Tênis Clube).
– Voleibol Feminino Módulos I e II/ Voleibol Masculino Módulos I e II: Ginásio do Colégio Marista.
– Xadrez: E.E. Adelaide Maciel.

Alunos de sete escolas de Patos de Minas participam da competição. Representando a rede municipal, a Escola Norma Borges Beluco disputará as modalidades Handebol Feminino e Voleibol feminino.

Contra o sedentarismo

Associado a uma grande gama de doenças crônicas, como diabetes, obesidade e colesterol alto, o sedentarismo é recorrente no país. Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) 2015, divulgado em maio pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostram que 76% dos brasileiros acima de 15 anos que não fazem atividades físicas.

Ações como os Jogos Escolares de Minas Gerais (JEMG), organizados pelas Secretarias de Estado de Esportes (Seesp) e Educação (SEE), buscam incentivar a prática esportiva desde a infância e a adolescência para a formação de adultos saudáveis.

Para o secretário de Estado de Esportes, Arnaldo Gontijo, esporte e saúde devem andar lado a lado. “Nesses tempos em que a tecnologia ocupa grande parte do tempo e da energia dos nossos jovens, buscamos outro viés para tornar mais agradável e mesmo produtiva a vida das crianças e adolescentes. O esporte é uma saída para essa situação e saber que mais de 35 mil alunos mineiros são ativos e praticam diversas modalidades é motivo de orgulho e esperança de que teremos adultos mais saudáveis no futuro”, ressaltou.

Considerada uma epidemia pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a obesidade atinge 17,2% dos mineiros, enquanto 53,9% estão acima do peso segundo a Pesquisa Nacional de Saúde, realizada em 2013 pelo IBGE. Exercícios na infância ajudam a moldar a memória metabólica, a tendência que o indivíduo terá a engordar ou a emagrecer ao longo da vida.

Consciente de que a prática esportiva desde os primeiros anos de vida é um investimento a longo prazo, o aluno-atleta Matheus Barros pratica além do voleibol – modalidade que disputa no JEMG –, futebol, ciclismo mountain bike e atletismo.

“Eu sempre gostei muito de esporte e desde pequeno jogo alguma coisa. Para mim ele ajuda em tudo, a relaxar por causa dos estudos, melhora minha saúde, meu condicionamento físico, e também tenho maior imunidade a muitas doenças”, conta o estudante de 16 anos do Colégio Tiradentes da Polícia Militar de Barbacena, Território Vertentes.

A partir desta segunda-feira (5/6), a cidade recebe a etapa microrregional dos Jogos, e é a primeira competição de que Matheus participa. “Será uma experiência em algo que gosto muito. Na escola treino muito e no nível que estou, tive que aprender muitas coisas novas. O vôlei, diferentemente do ciclismo, é algo coletivo, dependo dos outros jogadores e eles de mim”, relata.

Para manter uma rotina ativa, o jovem procura ter uma alimentação balanceada e saudável, evitando alimentos ricos em açúcar e gordura. “Vejo muita gente da minha idade que não tem a mesma força e resistência que tenho. Eu quero continuar do jeito que sou e ao envelhecer praticando esportes não ficarei tão fraco e sem saúde quanto uma pessoa sedentária”, completa.

Regional

No dia 10 de julho tem início a segunda fase dos Jogos, a regional, e já foram decididas cinco das seis cidades que sediarão as disputas: Arcos (Oeste), Caratinga (Vale do Aço), Ituiutaba (Triângulo Norte), Lavras (Sul) e Além Paraíba (Mata).

Participam da etapa as escolas inscritas das seis cidades-sede, além dos times vencedores da microrregional nas modalidades coletivas (basquete, futsal, handebol e vôlei) e os quatro primeiros alunos-atletas colocados, em cada módulo e naipe, na modalidade de xadrez. Peteca e vôlei de praia passam a integrar a programação do evento a partir desta fase.

JEMG

O JEMG, o maior e mais importante programa esportivo-educacional do estado, é uma ferramenta pedagógica que valoriza a prática do desporto e a construção da cidadania de alunos-atletas entre 12 e 17 anos. Realizado pelo Governo de Minas Gerais por meio da Secretaria de Estado de Esportes (Seesp), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (SEE), o evento teve neste ano número recorde de cidades inscritas: foram 830, ou 97% dos municípios mineiros.

Deixe uma resposta