Dom Cláudio pede que todas as paróquias de Patos de Minas fechem as portas em sinal de protesto contra as medidas do Governo Federal

0
24596

Todas as paróquias da Diocese, que é composta por 24 cidades, além da Cúria Diocesana também estarão fechadas.

 O Bispo da Diocese de Patos de Minas, Dom Claudio Nori Sturm, enviou um comunicado informando que estará apoiando a paralisação geral que acontece nessa sexta-feira (28), em todo o Brasil.

O comunicado começa trazendo uma mensagem da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), que diz o seguinte: “Convocamos os cristãos e pessoas de boa vontade, particularmente, nossas comunidades, a se mobilizarem ao redor da atual Reforma da Previdência, a fim de buscarmos o melhor para o nosso povo, principalmente os mais fragilizados”.

Seguindo a mensagem ele diz que “as tensões e angústias de nosso povo hoje, frente à situação econômica, política e social de nosso país, atingem o coração de Deus e os nossos corações de pastores”.

Dom Cláudio ainda diz que os projetos do atual Governo Federal que reduzem os direitos sociais dos trabalhadores, conquistados democraticamente ao longo de décadas, tendem a reduzir ainda mais as condições de vida tão difíceis dos brasileiros.

Por isso, em comunhão e unidade com a Igreja no Brasil, a CNBB, a Província Eclesiástica de Uberaba e com as igrejas irmãs do Conselho Nacional das Igrejas Cristãs (CONIC), o Bispo Diocesano convoca a toda Igreja Particular de Patos de Minas a apoiar à Paralisação Geral nesta sexta-feira, 28 de abril. Ele solicita que as 43 paróquias da Diocese e a Cúria Diocesana fechem as portas como gesto concreto e de protesto contra as medidas provisórias do Governo Federal, que ameaçam a seguridade social.

O Bispo termina a mensagem manifestando a sua solidariedade, “Manifestamos, portanto, a nossa solidariedade, participando das manifestações, e onde não estão previstas, incentivando sua realização a fim de lutarmos juntos, por uma causa justa e ética, no que se refere aos direitos de todos os brasileiros”.

A paralisação geral acontecerá em Patos de Minas no dia 28 de abril, organizada por vários sindicatos da cidade. A concentração para a mobilização acontece às 9h, na praça do Coreto, logo depois todos seguem em caminhada pelas ruas da cidade.

Segue abaixo o comunicado:

 

 

 

Deixe uma resposta