URT vence Uberlândia, mantém tabu e volta ao G-4 do Campeonato Mineiro

0
264

Em jogão no Zama Maciel, time de Patos de Minas vence adversário direto na tabela por 2 a 1, conta com tropeço do Tombense e volta ao G-4 da competição

O jogo entre Uberlândia e URT na tarde deste domingo, válido pela 10ª rodada do Campeonato Mineiro, prometia ser disputado. Por tudo que valia: vaga no G-4 do Mineiro e na Série D do Campeonato Brasileiro, e um tabu de três jogos sem vitória do Uberlândia no confronto. Foi tudo que o torcedor esperava: partida franca, com muitas oportunidades dos dois lados e busca pelo resultado. Falou mais alto o fator casa da URT. Com um golaço de falta de Cascata e mais um gol de Allan Dias, o Trovão Azul venceu o Uberlândia por 2 a 1 no Zama Maciel, em Patos de Minas. O Verdão descontou com um gol contra de Carlinhos. Foi a quarta vitória da URT nos últimos quatro jogos contra o Uberlândia.

A URT volta ao G-4 com 16 pontos ganhos e só depende dela para disputar a semifinal do Campeonato Mineiro pelo segundo ano seguido. O Uberlândia segue com 13, cai duas posições e aparece em sétimo. Na proxima rodada, URT e Uberlândia tem duas finais pela frente. No caso do time de Patos de Minas, o confronto com o Tombense, no Almeidão em Tombos, vale a confirmação no G-4 e título do interior, já que a vaga na Série D do ano que vem está garantida. Para o Uberlândia, a final é contra o Tupi-MG, no Parque do Sabiá. O Verdão precisa vencer para confirmar uma das vagas na Série D. As duas partidas são domingo, às 16h.

O jogo

URT e Uberlândia cumpriram com as expectativas e fizeram um jogo movimentado. Primeiro, com o Uberlândia que foi para cima, se impôs e chegou com perigo, pelo menos, três vezes. O goleiro Juninho foi obrigado a fazer grandes defesas e salvar a URT. Mas, salvadora mesmo, foi a bola parada. Quando o Verdão crescia no jogo, o time da casa abriu o placar. Cobrança de falta com precisão de Cascata que botou no ângulo de Thiago Braga para abrir o placar no Zama Maciel. O Uberlândia usou da mesma moeda para empatar. Falta na área cobrada por Jefersom Berger, Allan Dias subiu para desviar, mas marcou contra. A URT respondeu rápido e Allan Dias escorou na pequena área cruzamento de Cascata para fazer 2 a 1 no primeiro tempo.

Uberlândia e URT não voltaram com a mesma intensidade para a segunda etapa, mas aos poucos, os visitantes foram tomando conta do jogo. Dominaram o meio campo, criavam boas chances na frente, mas pecavam muito na finalização. Quando acertava, encontrava Juninho pela frente. Mesmo com problemas no joelho, o camisa 1 da URT voltou a fazer defesas impensáveis e parou o ataque verde. Rodrigo Santana pediu para a URT adiantar a marcação. Deu algum resultado, mas nada como a expulsão de Rodney. O volante do Uberlândia tomou o segundo amarelo aos 38 minutos do segundo tempo e complicou a vida do Uberlândia. A partir daí, a URT dominou a posse de bola e só esperou o apito do árbitro para vencer a quarta partida em casa.

Por: Globoesporte.com

Deixe uma resposta