Polícia Militar realiza prisão de 2 jovens com um carro com queixa de furto/roubo, drogas, arma de fogo e uma espada

0
307

Às 23 horas de ontem (1º), a Polícia Militar recebeu denúncia anônima, via telefone 190, de que um veículo Chevrolet Onix, de cor branca, estaria circulando pelo centro de Patos de Minas com os ocupantes em atitude suspeita, olhando constantemente as pessoas, comportando-se de forma nervosa. Sendo realizada consulta da placa, o sistema informatizado constou queixa de furto/roubo para o referido veículo.

Assim, a equipe Policial Militar realizou cerco e encontrou o veículo, que foi acompanhado pela Avenida JK, sendo abordado nas proximidades do Bairro Jardim Paulistano e determinado aos ocupantes do veículo que descessem para a abordagem.

Contudo, o passageiro, Alysson Guimarães Batista (21 anos), desembarcou e, desobedecendo às ordens dos policiais militares, iniciando fuga, correndo, com a mão à altura da cintura segurando um objeto semelhante a uma arma de fogo, entrando em um imóvel à direita do veículo, retornando logo em seguida para a Avenida JK, evadindo em direção ao Bairro Jardim Peluzzo, sendo acompanhado a pé por um dos militares da equipe.

Em determinada altura da Rua Geraldo Queiroz, após uma distância de corrida, Alysson foi abordado, contido e algemado. O condutor do veículo, Kalyman Willian Alves (20 anos), por sua vez, desceu do carro e sendo abordado e preso.

No trajeto percorrido por Alysson durante a fuga, os policiais militares localizaram uma Pistola Bereta, calibre 635, modelo 950b, número de série d05504, com um carregador e 7 (sete) munições intactas jogada no meio da rua.

Efetuada a busca no veículo, foram localizados um cigarro de maconha e um tablete de maconha, além de uma espada. Ainda foram apreendidos dois aparelhos celulares, sendo um marca Blu, capa de cor rosa, portado por Kalyman e um samsung, de cor branca, portado por Alysson. A queixa de furto/roubo do veículo abordado foi confirmada, sendo removido ao pátio credenciado do Detran pelo Guincho Patense.

Kalyman disse aos policiais militares que a droga é de Alysson; que a arma é
sua, utilizada para segurança pessoal; que comprou o veículo por R$2.500,00 (dois mil e quinhentos reais) de um indivíduo de nome Fernando, de Uberlândia e que tem a posse do veículo há cerca de 2 (dois) meses.

Alysson contrariou a versão anterior e disse que a arma que portava era
sua, utilizada para defesa pessoal; que as drogas localizadas eram suas também; que havia comprado o carro por R$5.000,00 (cinco mil reais), há cerca de 2 (dois) meses de um indivíduo desconhecido.
Alysson disse que kalyman foi até a sua casa de mototáxi, onde o carro estaria escondido e, de lá, saíram sentido Bairro Planalto, onde iriam encontrar algumas amigas.

Já kalyman disse que estava em sua casa, onde o carro estaria escondido, quando chegou Alysson e de lá saíram sentido Bairro Planalto, onde iriam encontrar algumas amigas.

Os dois jovens entraram em contradição diversas vezes. Não obstante, os dois abordados foram presos e conduzidos à delegacia, juntamente com a arma de fogo (Pistola Bereta, calibre 635, modelo 950b, número de série d05504), o carregador, 7 (sete) munições intactas, um cigarro de maconha, um tablete de maconha, e uma espada.

Fonte: Assessoria de Comunicação Organizacional da 10ª RPM

Deixe uma resposta