Governo de Minas Gerais lança novo portal de serviços e informações públicas

0
612

Site possui layout que facilita a navegação e foi pensado para três tipos de público: cidadãos, empresas e municípios.

O Governo de Minas Gerais lançou seu novo portal de serviços e informações (www.mg.gov.br). Reestruturado com a utilização de uma nova ferramenta tecnológica e com um layout mais claro, a nova página facilita a navegação e permite que os usuários encontrem facilmente as informações que procuram.

O portal disponibiliza os serviços prestados pelas instituições estaduais, unidades de atendimento do Governo, dados sobre o Estado de Minas Gerais, as principais notícias e acesso às redes sociais do Governo. Além disso, o cidadão encontra informações sobre a estrutura governamental, com todas as instituições que fazem parte do Governo de Minas Gerais.

Desenvolvido pela Companhia de Tecnologia da Informação de Minas Gerais (Prodemge), sob coordenação da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), o portal foi organizado para três tipos de público-alvo: cidadãos, empresas e municípios. Para cada um deles os serviços foram classificados de acordo com o tema (exemplos: educação e meio ambiente).

Para os municípios, os serviços foram totalmente reformulados a partir das informações do Catálogo de Serviços do Governo de Minas Gerais para os Municípios, desenvolvido pelo Grupo de Trabalho de Apoio aos Municípios (GTAM).

Eles estão classificados pelos seis eixos do Plano Mineiro de Desenvolvimento Integrado (PMDI 2016-2027): Desenvolvimento Produtivo e Inovação Tecnológica, Infraestrutura e Logística, Proteção Social e Saúde, Segurança Pública, Educação e Cultura, e Governo.

Por meio do novo portal, os prefeitos, vereadores e gestores municipais podem acessar as ações de forma interativa e dinâmica, para além da versão física do Catálogo, que será lançada no primeiro semestre de 2017.

Também são disponibilizados serviços para as empresas com o objetivo simplificar e facilitar a sua relação com o Governo de Minas Gerais. Orientações para a abertura de firmas na Junta Comercial e orientações para se cadastrar como fornecedor para participação em licitações do Governo do Estado são alguns exemplos.

Agendamento

Outro destaque do site, segundo o superintendente de Governança Eletrônica da Seplag, Rodrigo Diniz, é o agendamento de serviços. Por meio desse sistema os cidadãos podem programar o atendimento para emissão de carteira de identidade, carteira de trabalho, seguro desemprego e doação de sangue, o que traz comodidade e agilidade na prestação dos serviços.

Após fazer o agendamento, o usuário recebe uma confirmação em seu e-mail com dia, horário e local de atendimento. Além disso, é possível também avaliar o serviço, informando ao Governo como foi sua experiência. Essas informações são fundamentais para o aprimoramento dos serviços, buscando a melhoria do atendimento ao cidadão.

“A ferramenta permite avaliar desde o tempo de prestação do serviço bem como necessidade de aprimoramento das informações disponibilizadas. Além disso, ele pode enviar suas sugestões de melhoria”, explica o superintendente da Seplag.

O cidadão também tem acesso a um canal de comunicação direta com o Governo estadual por meio do fale-conosco do site, onde o usuário pode enviar dúvidas, elogios e reclamações. Toda mensagem encaminhada recebe um número de protocolo para que o usuário, por meio do próprio portal, acompanhe o trâmite da mensagem, que tem um prazo de dois dias úteis para ser respondida.

De acordo com Rodrigo Diniz, o novo portal do Governo de Minas Gerais disponibilizará, ainda no primeiro semestre de 2017, uma versão na qual o usuário terá uma área personalizada do seu relacionamento com o Governo. Essa área contará com uma integração com o aplicativo MG App, possibilitando o acesso aos principais serviços online do Estado com apenas um cadastro.

No ano de 2016 foram registrados 5.871.338 acessos ao portal. A expectativa é que esse número seja superado neste ano com o trabalho sistemático na melhoria da interação com o cidadão através de meios eletrônicos.

Fonte: Agência Minas

Deixe uma resposta